Enurese Noturna – Saiba Mais Sobre o Xixi na Cama: Um problema comum que afeta a maioria das pessoas na infância é o famoso “xixi na cama”. Trata-se de um Distúrbio Denominado Enurese Noturna, diagnosticado quando a criança não consegue controlar a micção durante o sono.

Enurese Noturna

A enurese noturna atinge, geralmente, crianças que possuem entre 02 (dois) e 07 (sete) anos de idade. Nessa faixa etária, os episódios de xixi na cama não são motivo de preocupação dos pais: é natural, e faz parte do desenvolvimento da criança.

Entretanto, quando o “xixi na cama” se torna muito frequente, é importante buscar ajuda pediátrica.

A perda involuntária de urina durante o sono atinge cerca de 15% (quinze) das crianças por volta dos 05 (cinco) anos de idade, parcela significativa da população infantil.

A incidência é maior em meninos que em meninas.

Classificações da Enurese Noturna

Existem duas classificações de enurese noturna. São elas:

  • Enurese Primária:
    • Ocorre quando a criança de 05 (cinco) anos ou mais nunca foi capaz de controlar a micção Durante o Sono;
  • Enurese Secundária:
    • Ocorre quando a criança consegue controlar a micção durante longos períodos de tempo ( 06 (seis) meses ou mais) e, depois desse período, ela retorna a urinar durante o sono sem causa aparente.
    • Normalmente, esse tipo de enurese tem relação com causas psicológicas.

Causas da Enurese Noturna

As causas do “xixi na cama” ainda não são completamente conhecidas. Uma das possíveis causas é a hereditariedade: crianças que possuem histórico familiar de enurese noturna tendem a desenvolvê-la com maior propensão.

Outro fator que influencia na perda de urina das crianças é a concentração baixa do hormônio antidiurético vasopressina durante o sono; isso ocasiona um grande volume de urina, maior do que a bexiga é capaz de armazenar.

O atraso do desenvolvimento do mecanismo responsável pela micção da criança, assim como diminuição da capacidade funcional da bexiga, também são causas da enurese noturna.

Diversos outros fatores podem contribuir com a incidência do “xixi na cama”, tais como: incapacidade da criança em reconhecer quando a bexiga está cheia, em segurar a urina enquanto dorme e em despertar para ir ao banheiro urinar durante um sono muito pesado.

Além das causas patológicas, acredita-se que a enurese noturna também possui causas emocionais: acontecimentos estressantes na vida da criança, como mudanças na rotina, podem propiciar micção involuntária durante seu sono.

A hiperatividade é também um fator de risco que influencia no desenvolvimento do distúrbio: crianças hiperativas e/ou que sofrem de transtorno de déficit de atenção são maiores alvos da enurese noturna.

Consequências Emocionais da Enurese Noturna

Por mais que não aparente ser um problema grave, o “xixi na cama” pode acarretar problemas psicológicos na criança, comprometendo até mesmo sua vida social, impedindo-a de dormir na casa de amigos, por exemplo.

Muitas vezes, falta compreensão da parte dos pais, que não entendem que o hábito da criança de urinar na cama durante o sono trata-se de uma ação voluntária, repreendendo-a e recorrendo até à agressão física, em alguns dos casos.

Críticas, Castigos e Constrangimentos acabam abalando ainda mais a autoestima do filho, envergonhando-o, deixando-o com medo e agravando mais o quadro da doença.

O melhor dos caminhos é a compreensão por parte dos pais: o primeiro passo é entender que não se trata de “teimosia” ou preguiça da criança, e sim de um Distúrbio Involuntário. O incentivo dos pais no tratamento dos filhos acelera muito a resolução do problema.

Tratamento da Enurese Noturna

São muitas as opções de tratamento para colocar fim ao hábito do “xixi na cama”, e estes variam de acordo com a necessidade e as características de cada criança.

Uma das alternativas é a mudança dos hábitos da criança: evitar ingerir muito líquido e alimentos ácidos que alterem o funcionamento da bexiga a noite, assim como urinar antes de dormir, são métodos capazes de diminuir a incidência do problema.

A utilização de medicamentos pode ser necessária, dependendo do caso, mas sempre com a prescrição de um médico.

Se seu filho tem o hábito de urinar durante o sono, marque uma consulta Neuropediatra ou Neurologista Infantil: O especialista neurologista médico será capaz de identificar as causas do problema e indicar o melhor tratamento para o paciente.

Base para o Desenvolvimento do Artigo

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

Average rating 5 / 5. Vote count: 123

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!

Dúvidas e Sugestões Aqui: