Causas para a Dor de Cabeça em Crianças

0

Mesmo que não pareça algo tão comum, a dor de cabeça em crianças acontece em aproximadamente 85% dos pequenos na idade entre 5 e 12 anos, pelo menos uma vez na vida.

Assim como entre os adultos, o sintoma pode representar algo simples, mas dependendo de alguns fatores, pode ser motivo para buscar atendimento médico imediato. Fique conosco neste artigo, pois vamos esclarecer o assunto e as suas dúvidas.

Dor de Cabeça em Crianças

Causas Benignas

Chamamos de causas benignas, aquelas mais comuns, que não indiquem um problema de saúde grave, mas que funciona como um sinal de alerta para algum comportamento ou fator ambiental que não esteja muito adequado ao bem-estar da criança. Veja algumas destas causas:

  • Problemas de visão: Dificuldade para enxergar pode ser um motivo para dor de cabeça em crianças, principalmente quando esta acontece no fim do dia.
  • Dormir pouco: Para a criança, é importante ter uma rotina de sono, pois quando ela não dorme bem, pode desenvolver uma fadiga cerebral, que possui como sintoma a dor de cabeça.
  • Deixar de alimentar-se: Quando a criança fica sem se alimentar por intervalos longos, como mais de 3 horas, pode apresentar dor de cabeça, de acordo com a sensibilidade dela. Isto ocorre porque o nível de glicose no sangue cai e o cérebro precisa deste nutriente para funcionar.
  • Calor: Em dias quentes ou de atividades intensas, o calor pode levar a uma dilatação dos vasos sanguíneos do cérebro, podendo causar a dor. Nesta situação, a criança precisa de períodos de descanso fora do sol e do calor e ingerir bastante água.
  • Tensão: A criança exposta a alguma situação de estresse, como uma separação dos pais, ou dificuldades na escola, pode ter dor de cabeça tensional, com características semelhantes às de um adulto.

Causas Graves

Entre as causas graves para a dor de cabeça em crianças, estão desde as doenças infecciosas, como gripe ou sinusite até problemas mais sérios, que necessitam de intervenções cirúrgicas, como a hidrocefalia, os sangramentos e os tumores cerebrais.

Em geral, é importante ficar atento a alguns sinais de alerta para saber quando é preciso procurar um especialista. Veja a seguir alguns destes aspectos:

  • Dor de cabeça de forte intensidade ou constante e insistente;
  • Se a dor de cabeça for mais intensa logo que a criança acordar ou não alivia com os analgésicos que o pediatra receitou;
  • Quando a criança apresenta vômitos, além da dor de cabeça;
  • Alteração comportamental, como sonolência, agitação, apatia, recusa em se alimentar, juntamente com a queixa de dor de cabeça;
  • Quando a criança interrompe suas brincadeiras devido à dor;
  • Algum sinal neurológico, como tonturas, dormências, crises convulsivas, fraqueza de um lado do corpo, alterações na face ou no movimento dos olhos, juntamente com a dor de cabeça.

Como Identificar a Dor de Cabeça em Bebês

No bebê, os sintomas podem ser mais difíceis para identificar, já que eles não conseguem explicar. Neste caso, podemos ver se a “moleira”está inchada, e prestar atenção a sinais como sonolência, irritabilidade, recusa para se alimentar, além de apatia e convulsões.

Muitos sinais da dor de cabeça em bebês podem ser mais dificilmente percebidos pelos pais. No entanto, com o tempo vai se tornando mais fácil perceber alguma diferença no comportamento do seu filho, que indique dor ou outro problema com a saúde.

Como Agir Quando a Dor de Cabeça Indicar um Problema Grave

Nesses casos, um neuropediatra deve avaliar a criança e solicitar exames como tomografia e ressonância para identificar o que está acontecendo. Não é recomendado dar qualquer tipo de medicação para dor de cabeça em crianças sem a recomendação médica. Esta atitude pode mascarar a causa do sintoma, que pode ser algo mais grave, além de retardar o diagnóstico.

Causas para a Dor de Cabeça em Crianças
5 (100%) 111 votes

Dúvidas e Sugestões Aqui: