Por Que o Acompanhamento com Neuropediatra é Essencial para Bebês Prematuros?

Estima-se que anualmente nasçam cerca de 340 mil bebês prematuros no mundo inteiro, ou seja, antes que a gravidez complete as 37 semanas consideradas seguras para o nascimento. As causas para esse nascimento prematuro podem ser várias, assim como as consequências que podem surgir por nascer antes do tempo.

Por essa razão, se faz essencial que o prematuro seja acompanhado por um neuropediatra, garantindo assim que todos os cuidados com esse recém-nascido sejam mantidos.

Com os grandes avanços na medicina neonatal, a taxa de sobrevivência de bebês prematuros cresceu, onde atualmente cerca de 80% dos prematuros sobrevivem, até mesmo aqueles que são considerados prematuros extremos, ou seja, que nasceram entre as 24 e 30 semanas de gestação. Mas, esse índice depende dos recursos disponíveis e também dos centros especializados em prematuridade.

Mas, mesmo com a redução na taxa de mortalidade é preciso se preocupar com as doenças que podem surgir nesses prematuros pelo nascimento antes do tempo.

A Importância do Diagnóstico Precoce

Quanto mais precoce for o parto, maior será o risco que esse prematuro terá de desenvolver sequelas, pois a prematuridade pode causar consequências importantes e com o neuropediatra acompanhando desde o nascimento de forma cuidadosa, principalmente nos primeiros dois anos de vida é capaz de evitar uma intervenção precoce.

Esse acompanhamento se faz ainda mais necessário durante o período da pré-escola, pois os problemas com comportamento e aprendizagem se tornam comuns nas crianças que nasceram antes do tempo. O progresso dessas crianças prematuras é avaliado pelo profissional de acordo com seu desenvolvimento, ou seja, de acordo com as habilidades que são adquiridas de acordo com sua faixa etária como por exemplo falar, andar e engatinhar.

Esse acompanhamento do neuropediatra é essencial, pois ele avaliará esse desenvolvimento através da correção da idade.

prematuro

Oportunidade e Prevenção

O quanto antes a intervenção for realizada, melhor será o prognóstico. Isso porque nos dois primeiros anos de vida da criança prematura, a neuroplasticidade costuma ser intensa, ou seja, o cérebro do bebê tem uma maior capacidade de estabelecer novas conexões neurais para desenvolver algumas habilidades.

É essencial aproveitar bem a oportunidade para a realização das terapias que serão necessárias, por exemplo, caso haja um atraso na fala, uma fonoaudiologia poderá ajudar a corrigir esse atraso e caso seja feito precocemente, os resultados serão mais rápidos e eficazes.

Muitos dos fatores de risco para bebês prematuros podem ser evitados, e mesmo com os avanços que a medicina tem enfrentado a melhor opção ainda é evitar que o parto prematuro aconteça. A mulher precisa fazer todo o acompanhamento pré-natal corretamente, através dos exames e conseguir identificar se não existe nenhuma doença sexualmente transmissível, cuidar da alimentação para evitar a hipertensão arterial, a diabetes gestacional, o gerenciamento do estresse e diversos outros problemas que são comuns durante a gravidez.

Em uma gestação gemelar, os cuidados são ainda maiores e o acompanhamento regular da gestante com o médico se faz ainda mais essencial.

Por Que o Acompanhamento com Neuropediatra é Essencial para Bebês Prematuros?
5 (100%) 18 votes

Dúvidas e Sugestões Aqui: